Pesquisar neste Blog

POLÔNIO


Este elemento é radioativo ,dissolvendo-se facilmente em ácidos diluidos, porém só é levemente solúvel em álcalis. É quimicamente semelhante ao bismuto e ao telúrio, sendo mais eletropositivo que o telúrio e o selênio, elementos da mesma família.
O polônio-210 é um metal volátil, de baixo ponto de fusão, por isso, 50% se evapora após 45 horas numa temperatura de 326 K. Este isótopo é emissor de partículas alfa que apresenta uma meia-vida de 138.39 dias. Um miligrama deste metalóide emite tantas partículas alfa quanto 5 gramas de rádio. Um único grama de polônio-210 gera 140 watts de energia térmica.
Uma grande quantidade de energia é liberada pela deterioração de apenas meio grama, alcançando rapidamente uma temperatura acima de 750 K. Alguns Curies de polônio emitidos criam um fulgor azulado causado pela excitação do ar circunvizinho

Aplicações

O estudo dos compostos do polónio é particularmente difícil devido à elevada radioatividade do elemento, que limita as quantidades com que é possível trabalhar, tanto pelos riscos que envolve para os investigadores como pela rápida decomposição que origina nas amostras analisadas. As aplicações do polônio, ainda que limitadas e restritas a determinados centros e laboratórios, dependem desta propriedade, que o torna de interesse como fonte de partículas alfa, de neutrons e de energia.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Fontes: pt.wikipedia.com
nautilus.fis.uc.pt